Braskem investe R$ 45 milhões para melhorar recebimento de energia

Aporte prevê melhorias no recebimento e distribuição de energia elétrica e vai garantir a produção sem interrupções no Polo Petroquímico de Triunfo. A FIGENER desenvolveu os estudos e os projetos conceituais e básicos

A Braskem, maior petroquímica das Américas e líder mundial na produção de biopolímeros, vai investir R$ 45 milhões em sua unidade de Petroquímicos Básicos (Unib 2) no Polo Petroquímico de Triunfo (RS) com o objetivo de promover melhorias no recebimento e na distribuição de energia elétrica.

Os valores serão utilizados em dois projetos. O primeiro vai aperfeiçoar o sistema de distribuição de energia elétrica de alta tensão das subestações principais das unidades operacionais, já o segundo vai modernizar e otimizar o sistema de rejeição de cargas em situações de eventuais quedas no fornecimento de eletricidade pela concessionária local, garantindo que a produção não seja interrompida.
O investimento anunciado inclui ainda a instalação de transformadores e painéis de alta potência, além da substituição dos cabos de força e comando da distribuição em alta tensão. 

A FIGENER desenvolveu neste escopo:

- os estudos básicos - fluxo de carga, curto-circuito, confiabilidade e partida de grandes motores - para a definição da nova topologia dos sistemas elétricos de 230 kV, 34,5 kV e 13,8 kV;

- o projeto conceitual e básico das instalações, incluindo definição de lay-outs, diagramas unifilares, especificações e folhas de dados de equipamentos;

- a consultoria para a especificação do novo sistema de rejeição de cargas;

- a atualização do estudo de coordenação de proteção e seletividade, com o desenvolvimento dos arquivos de parametrização dos novos relés;

- a atualização do estudo de estabilidade transitória e rejeição de cargas, para a definição dos ajustes para o novo sistema de ilhamento e rejeição de cargas. 

Agradecemos mais uma vez a Braskem pela confiança nos serviços prestados pela FIGENER.